sábado, 17 de dezembro de 2016

 Da minha janela vejo o mundo...
O crepúsculo de cada dia...
A sinfonia dos pássaros a cantar...
O sino do convento a badalar.
O cair da chuva
As gotas de sereno em noites de luar
O vento a me abraçar.

A alegria que emana das pessoas, muitas delas distraídas, apressadas, enamoradas e às vezes perdidas, pais e crianças a brincar.

E neste cenário encantado, que reluz o mais lindo dos sonhos, há uma explosão de sentimentos, que invade de alegria meu coração.

E, da janela da vida, observo tudo que vejo...
Vejo sonhos serem esculpidos...
Vejo a magia da vida. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sonha e serás livre de espírito... luta e serás livre na vida.
― Che Guevara