sexta-feira, 28 de outubro de 2016

A tarde morrendo, morrendo...
O céu se tinge em rubores
Num espetáculo estupendo!
Numa apoteose de cores!
Tudo é paz, tudo é silente
Cessando as lidas diurnas
Só se ouve tristemente
O pio das aves noturnas.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sonha e serás livre de espírito... luta e serás livre na vida.
― Che Guevara